O guia para engajar os pais na educação dos filhos

Escola em Movimento > Blog > Comunicação Escolar > O guia para engajar os pais na educação dos filhos

O guia para engajar os pais na educação dos filhos

Postado por: admin
Categoria: Comunicação Escolar
O guia para engajar os pais na educação dos filhos

Uma escola bem gerida é o ponto inicial para a boa formação de seus alunos, a qualificação de seus profissionais e, consequentemente, a satisfação dos pais desses alunos.

Sabe-se que a satisfação dos pais é elemento fundamental para a boa imagem que esse ambiente escolar procura construir.

Alcançar esses objetivos, contudo, é sempre um grande desafio que pode ser alcançado somando forças. Nesse aspecto é importante o engajamento dos pais na educação dos filhos e que a gestão escolar auxilie no processo. Elencamos algumas dicas que podem auxiliar a engajar os pais na educação. Quer saber quais são elas? Então acompanhe o que preparamos para você!

Analise casos específicos

O profissional da educação deve promover uma análise para tentar entender o porquê do afastamento dos pais da escola. Através de um levantamento de hipóteses: a linguagem escolar é acessível a esses pais? Os pais dos alunos têm tempo de comparecer pessoalmente a reuniões e comitês? A escola, de alguma forma, os afasta ao não incentivar uma interação mais próxima? As famílias apenas se importam quando os alunos têm mal comportamento ou más notas?

Responder a essas perguntas é o primeiro para colocar em prática a próxima dica.

Promova a aproximação

Após conhecer um pouco melhor sobre o universo dos alunos que frequentam a escola, é o momento de articular iniciativas de aproximação entre os pais e a escola. Isto para que eles saibam o máximo possível sobre a educação dos filhos na escola. Independente de condição social, cultural ou econômica, os pais têm o maior interesse no sucesso escolar de seus filhos, então, cabe aos profissionais da escola criar iniciativas que apóiem a família para a orientação da aprendizagem de seus filhos.

A gestão escolar deve auxiliar para que professores e demais funcionários das escolas estejam preparados para construir relações de confiança e respeito. Os pais devem entender que a responsabilidade do desenvolvimento educacional de seus filhos é uma pareceria, firmada entre a escola e as famílias, para que esse desenvolvimento seja colaborativo.

Reuniões regulares, oferta de palestras com a temática educacional e momentos de lazer da família na escola, como apresentação de peças teatrais, exibição de filmes, confraternização em piqueniques e gincanas, são alguns exemplos de interação que podem ser promovidos.

Dê voz aos pais

Para se sentirem parte integrante da comunidade escolar, os pais devem ser ouvidos e suas sugestões. Críticas e ideias devem ser levadas em consideração, de maneira ponderada e efetiva. Os pais se engajarão de maneira muito mais incisiva ao perceberem que suas intervenções estão sendo levadas em consideração.

Comunique-se para engajar os pais na educação dos filhos

Por melhores que sejam as iniciativas, as ações só alcançarão sucesso se a comunicação for bem sucedida.

É importante assegurar que tanto os pais quanto as crianças envolvidas nessas iniciativas de aproximação da família à escola saibam o valor deste engajamento. A comunidade escolar como um todo deve ser comunicada de todas as atividades planejadas e do sucesso das mesmas, com relativa frequência, para que possa, de fato, acompanhar os procedimentos escolares.

Uma maneira de viabilizar as ideias aqui expostas é a utilização das tecnologias em contexto escolar que potencializam os efeitos de uma boa comunicação. Acesse a página da Escola em Movimento e saiba mais sobre a plataforma. A ferramenta permite comunicação entre a escola e os pais, por meio de um aplicativo escolar, divulgando informações  que auxiliam a engajar pais na educação. Agora queremos saber de você: como é feita essa interação em sua escola? Como vocês engajam cada vez mais os pais na educação dos filhos? Deixe seu comentário e venha participar da conversa!