Como idealizar o dever de casa para os alunos?

Escola em Movimento > Blog > Comunicação Escolar > Como idealizar o dever de casa para os alunos?

Como idealizar o dever de casa para os alunos?

Posted by: admin
Category: Comunicação Escolar
Dever de casa para os alunos

O dever de casa para os alunos não é só pra preencher o tempo

Não é de hoje que os deveres de casa têm sido um desafio para pais, professores e, principalmente, alunos. É comum existir tensão por parte dos pais ao saberem que os alunos não realizaram atividades ou as fizeram incorretamente. Também comum existir dificuldade por parte dos alunos que não compreenderam bem aquilo que os professores queriam com a atividade.

No entanto, quando o conceito das atividades propostas são bem compreendidos pelos alunos, as vantagens são muito consideráveis. Para que realmente os deveres de casa tenham um efeito positivo na vida dos estudantes, os pais precisam estar preparados a serem bons coadjuvantes neste processo. Professores e alunos, no caso, dividem o protagonismo.

Tendo em vista a importância do envolvimento dos pais e de uma estratégia inteligente por parte dos professores, listamos neste artigo aqui algumas dicas relevantes. Longe de serem uma dor de cabeça, os deveres podem ser muito úteis pro desenvolvimento dos alunos.

Dever de casa deve mesmo valer a pena para a criança

Definir corretamente o trabalho a ser feito em casa pode mesmo fazer imensa diferença no desenvolvimento dos estudantes. Se o para-casa for bem idealizado, as crianças podem encontrar prazer ao desempenhar as atividades, ganhando melhor capacidade para resolver os problemas, facilitando todo o processo.

Por isso é imprescindível que o dever tenha mesmo um impacto da aprendizagem das crianças, e não seja algo aleatório. Isto é, que não seja uma atividade apenas burocrática com intuito de preencher o tempo da criança. Isso só gera desgaste no aprendizado.

Às vezes, as crianças precisam aprender diferentes jeitos de se resolver um problema. Em outras, precisam lidar com problemas que precisam de perseverança e a aplicação de várias habilidades. Há um balanço a se fazer entre a variedade e uniformidade, uso de questões abertas e fechadas. Essas decisões devem estar enraizadas naquilo que a criança precisa para ter um aprendizado sólido.

Se as crianças precisam ir além da prática para desenvolver fluência nas disciplinas, neste caso as tarefas são uma importante parte da aprendizagem. Frequentemente subestimamos o quanto as crianças precisam praticar determinados conceitos até aprenderem de verdade. Seguindo essa lógica, os deveres de casa são um jeito de garantir que as crianças criem um certo automatismo com os conceitos apreendidos em sala de aula.

Mas é bom não confundir isso com decorar conceitos. Isso pode ser suficiente para as provas, mas não é um aprendizado sustentável. Os estudantes terão mais facilidade para colher os frutos dos aprendizados se conseguirem ver a aplicabilidade dos conceitos na vida real.

Dever de casa para os alunosDever de casa para revisar o que já foi aprendido em sala de aula

É fácil cair na tentação que só porque algumas crianças solucionavam frações umas semanas atrás podem continuar podendo fazendo isso dias depois. Mas a prática é diferente. O dever de casa então é uma ótima forma de trazer de volta à mente dos alunos conceitos aprendidos anteriormente.

Simplesmente adicione questões trabalhadas em dias anteriores e avaliem se ficaram apenas na famosa “decoreba”, ou se realmente entenderam aquilo que foi ensinado.

Um truque útil é misturar conceitos previamente ensinados para favorecer a memória. Considerando também que a aprendizagem exige uniformidade para alcançar a automatização dos conceitos, a variação da linguagem vai também ajudar na seleção de estratégias apropriadas. Misturar as perguntas pode ajudar a tornar a tarefa de casa mais desejável e atraente.

Grandes professores percebem tendências no aprendizado

Ao acumular experiência e, claro, trabalhar com paixão e muito profissionalismo, professores podem ter um grande conhecimento sobre pontos fortes e fracos dos alunos. Com o tempo, passam a saber lidar melhor e identificar alguns padrões, podendo reagir melhor a eles. É o caso de quando percebem erros comuns entre as crianças, e podem modelar o aprendizado. Erros comuns de aprendizado podem ser evitados a partir do bom trabalho do professor.

Se o professor não estiver atento à sua vital participação no planejamento dos deveres, seus esforços, assim como dos alunos e pais, terão sido em vão. As atividades extraclasse serão uma continuidade daquilo que vem sendo feito em sala de aula.

Algo que pode ser útil é definir um padrão para toda a escola para entrega dos deveres. Com rotinas bem definidas, os professores podem ser organizar melhor. Assim alunos não precisam acumular várias tarefas de diferentes disciplinas para o mesmo dia. Isso também impede a desculpa “não sabia que era para entregar hoje”. Afinal, com uma data fixa, todos já vão saber antecipadamente o dia de entregar as tarefas.

Como despertar o interesse dos alunos pela leitura?

Os deveres de casa devem estar claros também para os pais

Dever de casa para os alunos
Os pais têm papel fundamental ao darem suporte para os alunos nas atividades extraclasse. Foto: Reprodução.

Em vários casos, os pais estão muito interessados em ajudar as crianças a superarem as dificuldades nos deveres. Em outros, nem tanto. Por isso, a comunicação é fundamental. A existência de um canal de troca de informações entre professores e responsáveis é mesmo imprescindível.Envolver os pais nas tarefas de casa nunca deixou de ser importante. Com uso de aplicativos escolares como o da Escola em Movimento, por exemplo, ficou mais fácil a interação entre pais e escola. As dúvidas são solucionadas com muita rapidez e professores podem induzir os responsáveis a auxiliarem os alunos no aprendizado. Os professores podem até mesmo utilizar mensagens prontas, para agilizarem a comunicação.

Convidar os pais para um workshop na escola a fim de explicar as estratégias chave a serem ensinadas também é algo bastante válido. Os pais certamente vão apreciar as instruções sobre como lidarem com essas atividades extraclasse. Sempre existem dúvidas até que ponto eles podem ajudar e também muitos não estão cientes de como os deveres de casa são importantes para consolidação do aprendizado.

As atividades podem até mesmo facilitar um melhor relacionamento dos pais com a escola. Por não estarem no ambiente da educação, os responsáveis vão pensar na aplicabilidade daquilo que os alunos estão aprendendo na vida real. Isso certamente vai enriquecer e muito o aprendizado dos alunos.

Os responsáveis devem aproveitar o momento da tarefa para tentar despertar nos alunos a paixão pelo novo. Nada de pensar que aquilo é uma obrigação e algo chato, apesar do senso comum insistir com esta ideia.

Os pais tomarão a decisão, a partir do contexto, em saber se devem estar ali 100% do tempo ou não. O mais importante é que a criança saiba que possa contar com o suporte dos pais e nunca se sinta abandonada.